SIM, É GRÁTIS!
Seja o primeiro a receber as novidades do site.

3 elementos que você precisa desenvolver para a sua comunicação ser influente, impactante e eficaz

Por Wendel Silva Moreira | 12 de fevereiro de 2016


Você já parou para pensar na forma como você se comunica?

Essa questão é conveniente nesse artigo porque será exatamente esse o seu objetivo: analisar a sua comunicação. E com base nesse conteúdo, você poderá concluir se ela é ou não uma comunicação influente, impactante e eficaz, além de ter a oportunidade de desenvolvê-la.

Hoje, você vai aprender:
  1. Quais são os três elementos que você deve se atentar para tornar a sua comunicação poderosa
  2. Qual a importância de cada um deles para a sua comunicação
  3. O que você pode fazer para desenvolvê-los

Interessa a você? Então vem comigo!

Lembro-me que na minha adolescência, eu observava bastante a forma como as pessoas se comunicavam. E era inevitável não perceber que algumas possuíam mais habilidade do que outras nessa capacidade. De fato, a diferença era gritante.

Nessas minhas eventuais observações, percebia algo que achava interessante: nem sempre aquelas pessoas que eu considerava inteligentes, eram as que melhor se comunicavam.

Inúmeras vezes as pessoas menos cultas eram aquelas que tinham mais êxito em sua comunicação.

Isto significa que aquelas que possuíam um conhecimento maior, que liam mais livros, que eu via que estavam constantemente estudando, não sabiam expressar com facilidade as suas próprias ideias, a comunicação delas era monótona, não prendia a atenção e era muitas vezes chata de ouvir, por mais que o assunto fosse importante.

Por outro lado, as pessoas que tinham um repertório menor de palavras, que falavam de assuntos corriqueiros, sem muita relevância, prendiam a atenção dos outros quando começavam a falar.

Interessante, não é?

Porém, isso não quer dizer que estudar ou ler livros faz com que você não se comunique bem. Não tem nada a ver com isso. Não se precipite nessa interpretação. Tanto é que nesse exato momento você está estudando e com certeza desenvolverá a sua comunicação. Além do que, ler livros aumenta o seu vocabulário, o que só a potencializa ainda mais.

O que geralmente acontecia nessas situações que eu apresentei é que cada pessoa se destacava em componentes diferentes de uma comunicação. E as pessoas que porventura não se comunicavam com facilidade, eventualmente valorizavam um elemento menos importante.

Você vai entender o que quero dizer mais à frente.

OS 3 ELEMENTOS DE TODA COMUNICAÇÃO INTERPESSOAL


O americano, Albert Mehrabian, Phd em psicologia, professor emérito da Universidade da Califórnia e pioneiro da pesquisa sobre a linguagem corporal na década de 1950, descobriu que toda comunicação interpessoal possui três elementos. São eles:
  1. Verbal
  2. Vocal
  3. Visual (ou não verbal)
No entanto, segundo ele, cada um possui importância diferente no que diz respeito à transmissão da mensagem. Assim, ele atribuiu um valor percentual a cada elemento. Veja:
  1. Verbal – 7%
  2. Vocal – 38%
  3. Visual – 55% 
Percebeu a enorme importância do elemento visual na transmissão da sua mensagem? Então, já comece a se atentar a esse ponto, porque, de fato, ele é mega importante para a sua comunicação. Mais a frente vou falar sobre ele.

Vamos começar pelos elementos verbais.

ELEMENTO VERBAL


Os elementos verbais são as suas palavras, que podem ser transmitidas tanto por escrito quanto oralmente. Como pode ver, eles são responsáveis por apenas 7% de toda a sua mensagem.

O que isso quer dizer?

É que somente se atentar em fazer um discurso belo, com palavras bonitas, não é suficiente. Você precisa de mais. Muito mais!

E se lembra daquelas pessoas que eu achava que eram inteligentes que tinham uma comunicação enfadonha, mesmo quando o assunto era interessante?

Então, ao analisá-las, hoje em dia, percebo que essas pessoas se atentavam demais ao elemento verbal e esqueciam dos outros dois, que são ainda mais importantes que esse.

Mas, mesmo que ele responda por uma pequena parte, isso não quer dizer que não seja importante. Portanto, você deve sim valorizá-lo para que a sua comunicação se torne muito mais eficaz.

O que então você pode fazer para desenvolver esse elemento?

Ler! A leitura vai enriquecer cada vez mais o seu vocabulário, vai te acrescentar mais conhecimento e de quebra irá te desenvolver.

ELEMENTO VOCAL


Os elementos vocais já abrangem um número maior de itens, mas os principais são:
  • Tom de voz
  • Inflexão
  • Timbre
  • Ritmo
  • Pausa
  • Cadência
  • Interjeição
Eles respondem por 38% da sua comunicação e acredito que você percebeu que eles dizem respeito a forma como a sua mensagem soa nos ouvidos da outra pessoa.

Para você ter ideia, a partir desses componentes, é possível identificar traços da personalidade de alguém, pois estão diretamente relacionados à nossa identidade, além de revelarem emoções e até mesmo determinadas intenções.

Fantástico, não é mesmo?

Imaginar que o tom que você dá a determinada palavra exerce um efeito maior do que o próprio significado dela é muito interessante!

Agora, você se lembra das pessoas menos cultas que se comunicavam melhor, que eu falei lá em cima?

Pois, então, geralmente elas tinham uma facilidade enorme com esses elementos, sabiam dar dinamismo a mensagem que transmitiam ao utilizar incrivelmente bem cada um deles. Esse era o diferencial delas, por isso elas tinham mais êxito do que aquelas outras em sua comunicação.

Confesso, que ao observá-las eu aprendi bastante!

Para desenvolver a habilidade de lidar com os elementos vocais, você pode preparar um discurso e apresentá-lo na frente do espelho ou até mesmo gravar a sua apresentação, para que posteriormente você possa analisar e melhorar aquilo que não te agradou.

ELEMENTO VISUAL


Os elementos visuais, que respondem por mais da metade da mensagem que você envia ao se comunicar - 55%, são os aspectos não verbais da comunicação, é a imagem que você transmite através da sua expressão corporal, do seu comportamento e das suas roupas.

É incrível pensar que mais de 50% da sua comunicação é avaliada com base naquilo que você não diz. Mas certo ou errado, avaliamos as pessoas desde a forma como estão vestidas a até mesmo a uma simples ação de cruzar os braços, consciente ou inconscientemente.

Se você desejar se aprofundar mais nesse assunto, recomendo fortemente que leia os livros:
Antes de finalizar, me permita que eu compartilhe um fato que aconteceu em 26 de setembro de 1960 nos Estados Unidos.

Logo após, o primeiro debate para a presidência entre John F. Kennedy e Richard Nixon, foram realizadas duas pesquisas:

A primeira consistia em perguntar para pessoas que acompanharam o debate pelo rádio quem eles achavam que ganharia as eleições. Nessa pesquisa, uma grande maioria deu a vitória a Nixon.

No entanto, quando foi realizada uma segunda pesquisa com pessoas que havia acompanhado o debate pela televisão, aconteceu totalmente o contrário, Kennedy venceu.

Você pode conferir um trecho original desse debate por aqui.

Depois de ler esse artigo, é fácil concluir que os elementos não verbais (ou visuais) de Kennedy foram determinantes para que ele fosse considerado o candidato que venceria as eleições. Visto que ele tinha uma imagem, digamos, mais poderosa em comparação a Nixon.

Nixon provavelmente tinha mais domínio sobre o elemento verbal e até mesmo sobre o vocal, no entanto, Kennedy dominava o visual.

Nixon poderia ter um belo discurso, mas não soube transmitir a mensagem com tanto entusiasmo e vigor quanto Kennedy.

Mesmo que uma mensagem não seja tão interessante, se for transmitida por uma pessoa cheia de vigor e entusiasmo é recebida com muito mais interesse do que uma mensagem brilhante transmitida por uma pessoa apática e enfadonha – Ricardo Bellino

Além disso, você já percebeu que até mesmo o elemento verbal reconhece a importância do não-verbal? Então veja esses exemplos:
  • Não fique de queixo caído.
  • Entre de cabeça erguida
  • Não empurre com a barriga
Dentre muitos outros que você conhece. Ditos que evidenciam ainda mais o quanto somos avaliados além das palavras. Aliás, olha esses dados:
  • No mundo dos negócios a linguagem corporal responde por 60 a 80% das mensagens transmitidas durante a negociação
  • Formamos 60 a 80% de nossa opinião sobre um desconhecido antes de completados os primeiros 4 minutos de conversa

Sendo assim, cuide bem da sua imagem e tome controle sobre a sua linguagem corporal – elemento visual. Desse modo, você comprovará a veracidade dessas informações na prática!

Para desenvolver o seu domínio sobre os elementos visuais, solicite a opinião sincera de outras pessoas, muito provavelmente elas te fornecerão um feedback útil para que você aprimore esse componente.

Por fim, elabore sim um discurso interessante, mas dê também atenção a forma com que você apresentará esse conteúdo, pois a junção desses três elementos determinará o sucesso da sua comunicação.

CONCLUSÃO


Esse foi o artigo de hoje. Um conteúdo para ajudá-lo a aprimorar a sua comunicação!

Se ele foi útil para você compartilhe-o com outras pessoas para ajudá-las também. Deixe o seu comentário abaixo com o seu feedback, vou adorar ler e responder!

E se ainda não se inscreveu na Lista VIP do site, digite seu melhor e-mail no campo abaixo para receber todas as nossas novidades, atualizações e indicações.


Imagens: Visual Hunt
GRÁTIS!
Torne-se Vip agora mesmo e receba todos os nossos conteúdos em primeira mão.